quinta-feira, 11 de fevereiro de 2016

A minha experiência de pobre, ensinou-me que se pode passar de margarina para manteiga. Mas nunca de manteiga para margarina, de novo...

Jot’Alves, na edição papel de hoje do diário AS BEIRAS. Passo a citar um excerto da peça jornalística:
"Joaquim de Sousa, presidente da mesa da assembleia geral e responsável pelo departamento de comunicação do Ginásio Clube Figueirense, afirmou ontem, em conferência de imprensa, que o clube tem sido prejudicado pela Câmara da Figueira da Foz. “O Ginásio tem sido prejudicado em relação a outro clube da cidade”, destacou, remetendo a afirmação para os mandatos de Aguiar de Carvalho, presidente da autarquia já falecido, e revalidando-a para os mandatos do anual líder do executivo camarário, João Ataíde. Aquele dirigente do GCF ressalvou, porém, que “foi restabelecido o equilíbrio” nos mandatos de Santana Lopes e Duarte Silva (morreu em 2010), de 1998 a 2009. Joaquim de Sousa avançou com números expressivos, que no entanto não conseguiu confirmar em tempo útil. Sem pronunciar o nome do “outro clube da cidade”, percebeu-se, contudo, que se referia à Naval 1.º de Maio. De resto, concluiu a conferência de imprensa afirmando: “Não estamos insolventes, estamos solventes”.

“Estamos a aplicar os regulamentos que foram aprovados, por unanimidade, na câmara, e a gerir o funcionamento das instalações, percebendo as dificuldades dos clubes e cumprindo as regras”, reagiu o vereador Carlos Monteiro, contactado pelo diário AS BEIRAS. 
Joaquim de Sousa falava numa conferência de imprensa destinada a apresentar o balanço da transacta época desportiva e as actividades da presente temporada, tema que será desenvolvido na edição de amanhã do diário AS BEIRAS."

11 comentários:

Anónimo disse...

Porra camarada é preciso ter lata.

Anónimo disse...

Estão solventes enquanto não houver uma investigação a sério à Obra da Figueira Misericórdia. Queixa-se da Camara e das ajudas, então quem deu o terreno para o Pavilhão e o ajudou a pagar parte das obras? Quem deu o terreno da Carreira de Tiro para agora servir de sede aos circos? Quem deu o terreno da Piscina velha e deu o terreno ao lado para aumentar a área depois do Ginásio ter anunciado que iria construir uma nova piscina.
E vem este senhor queixar-se, justifique porque é que os meios da Misericórdia estão ao serviço do seu clube e não dos clubes da cidade. Este qualquer dia ainda terá uma surpresa.

Anónimo disse...

Só um tipo com uma grande PANCADA pode dizer que a Camara ajuda a Naval. Havias de contar ao jornal as BENESSES que te deu o Duarte Silva.

Joana Seco disse...

É preciso ter lata , o clube tem uma presidente fantoche e o ditador faz a propaganda ao melhor estilo nazi . Se calhar pensava que a academia de futebol lhe ia dar lucro , coitado . Só utilizam o símbolo do ginásio , nos jogos o grito de guerra é : vai D arrinca , academia 94 , ginásio figueirense . Um clube travesti refém de um presidente tirano , que quando não está feicha o pavilhão à chave e não liga a ninguém . É bom para dar empregos aos reformados do basquete a distribuir marmitas .
Querem só um clube na cidade , mas a cidade não o quer , Naval , SUO Vais , Sporting figueirense , Buarcos , cova gala , entre outros , também merecem uns trocos da misericórdia .

Anónimo disse...

Mais um trabalho jornalístico encomendado pelo Chefe da Comissão de Censura do Ginásio e o que mais me surpreende é que ainda existem "jornaleiros" da nossa praça que lhe dão cobertura.
Fui sócio a atleta do Ginásio e há uns tempos fiz um comentário na página da rede social do clube. O censor não gostou e bloqueou e sei que isto tem sido pratica corrente. Será que o Ginásio merece ser dirigido por este tipo de pessoas. Agora começo a perceber algumas queixas contra a espécime.

Anónimo disse...

E a presidenta? Que jogo faz no tabuleiro?

Anónimo disse...

Sua excelência o dono do Ginásio Figueirense afirmou em conferência de Imprensa que a Camara Municipal tem prejudicado o Ginásio, porém, venho a saber hoje através dos jornais regionais que a Camara da Figueira doou ao Ginásio o terreno anexo à actual Piscina do Clube. Aqui só pode andar gato escondido com rabo de fora. Como é possível que o Ginásio anuncie a construção de uma piscina e a Camara lhe dê um terreno para a Construção dessa Piscina e lhe dê outro sem se saber para quê. Afinal hoje compreendi a Camara deu um terreno para que o Ginásio o possa vender e angariar fundos. Esta Camara deveria ser já investigada por isso. Que a Camara dê ao clube um terreno para construir uma estrutura desportiva muito bem, agora dar terrenos para serem negociados para urbanização ou superfícies comerciais é crime de lesa munícipes.
Afinal de que se queixa o dono do Ginásio. Será que o senhor já se esqueceu que a Camara lhes deu dinheiro para comprar uma parte do edifício da Rua dos Combatentes e que pouco tempo depois venderam o prédio.
Este senhor que agora se queixa da Camara também foi Presidente da Camara que ajuda é que ele deu ao desporto figueirense. Este Senhor que foi Secretário de Estado do Desporto o que fez em termos de desporto pela Figueira da Foz.
Senhor Joaquim de Sousa o senhor já não engana ninguém o seu reinado vai acabar por cair de podre.

Anónimo disse...

Qual é o papel das cachopas no meio de tudo isto?
O órgão executivo não é a Direção?
Demitam-se e entreguem o poder ao DITADOR e dono disto tudo.
Triste papel desta Direção que nada manda e amocha a tudo.

Anónimo disse...

Não posso deixar de estar de acordo com o comentário assinalado às 22,09 de 12/02. A Câmara Municipal da Figueira da Foz deve ser imediatamente sujeita a uma investigação para se saber em que termos doou um terreno a um clube para este o negociar com imobiliários. Então a C M que sobrevive com um programa financeiro para colmatar dezenas de milhões de dívidas e cede ou dá terrenos para os clubes venderem. Se o terreno não faz falta à Camara a autarquia que o vende e aplique o dinheiro na cidade.

Anónimo disse...

Investiguem a Misericórdia / Obra da Figueira para ver como o dinheiro de uma IPSS é gasto em benefício dos Ginásio. Ver quem são os colaboradores que recebem ordenado da Misericórdia e prestam trabalho no clube desse sujeito

Joana Seco disse...

Apoiem o desporto e lutem para que a cidade tenha condições dignas de treino para todas as modalidades . Faltam campos de futebol sintéticos , pavilhões municipais para o basquetebol , futsal , entre outras . Falta a pista de 200 ou 400 metros para o atletismo e não a ideia peregrina de fazer uma de 300 metros na praia para nada . Faltam piscinas na sede de concelho , falta irradiar os campos pelados , falta quase tudo . No meu clube luto por isso , porque os atletas não têm culpa de quem os dirige e usurpa os clubes de alma e espírito crítico . Abraço a todos os dirigentes do clube do ditador , porque não é fácil pedir esmolas para as outras secções .