terça-feira, 8 de dezembro de 2009

Pensava que estamos em crise!...

foto Pedro Cruz
Estamos em Dezembro, a poucos dias da noite de Natal.
Num feriado, como o de hoje, assiste-se a uma crescente afluência aos centros comerciais para se efectuarem as compras dos presentes.
Ainda era Novembro e já estávamos a ser pressionados a consumir os mais diversos produtos.
A publicidade e o marketing que nos inunda o dia a dia, na televisão, nos jornais, nas revistas, nas ruas, quase que nos abafa... Muitos destes produtos nem sequer fazem falta a ninguém, mas, mesmo assim, quantos de nós, não decidimos comprar só por comprar ... É Natal!.. É Natal!.. "Todos às compras"... É Natal!... Com papas e bolos se enganam os tolos... Estima-se que cada português gaste 390 euros em prendas de Natal!..

2 comentários:

o cu de judas disse...

aqueles que o tem para gastar, eu cá por mim vou-me limitar ao minimo, poucas prendas e baratas e só para os miúdos

Antonio disse...

Eu como dois frangos, tu não comes nenhum, portanto já sabes, comemos um frango cada um.
Mas se não se gastar os dois ordenados do mês, mais um arrombamento no catrtão de crédito novo, como há-de funcionar o raio da economia?
Metia-se o guito debaixo do colchão?
Não pode ser.Além do que se gasta enm prendas , no Natal, é preciso ir apanhar sol para as Caraíbas ou ou gelar os tomates prá neve.
também é chique, só que obriga a uma parafernália de roupas e equipamento.
Para ir ao Brasil ou Cuba, basta uma tanga e uns chinelos. Faz-se vida de rei por lá e no regresso, de escravo por cá.
Também de tanga, mas de inverno é pior.