segunda-feira, 4 de setembro de 2006

O cheiro continua! ...




FOTOS: PEDRO CRUZ

Quem passa nas imediações da ETAR de S. Pedro bem o continua a sentir: há alturas em que o cheiro é insuportável.
Todavia, nem todos dão por ele! ...
Há quem considere “que a ETAR, que é uma das melhores do concelho e não só, está a funcionar bem e não deita cheiros”.
“Se houver um problemazito, é por causa dos sacos das lamas! ...”
Foi assim que falou o Presidente da Junta de Freguesia de São Pedro, na noite do passado dia 1, sexta-feira, no decorrer da Assembleia de Freguesia.

Mas o que é o ambiente?
É tudo o que nos rodeia,
É o Sol , é uma ideia
É a chuva, é o frio,
É o vento a soprar,
São os perfumes no ar
Perto da Ponte dos Arcos
Em São Pedro, é o cheiro da ETAR.

13 comentários:

Tó (da Lota) disse...

Temos de considerar uma situação.
A ETAR foi, como tudo em Portugal, mal projectada e sub-dimensionada. Mas não é só esta Etar. São Todas! Bão há nenhuma em Portugal que funcione bem.
Foi projectada com uma dimensão para a população existente aí há dez anos atrás. Entretanto a massa populacional residente aumentou e muito.
Acrescenta-se o pessoal que está cá de passagem, nos Campings e em csas alugadas e o resultado está à vista. É muita água a ser canalizada para a rede de saneamento publico. Lava-se páteos, carros e louças. è muito banho e muito WC.
Em suma, é merda a mais e a coitada da Etar não se aguenta porque não tem estaleca para tal. tanto faz ter sacos de lamas como latas. Não tem tempo sequer de processar os detritos, quanto mais tratá-los.
Esta água vai para o rio e na vazante vai para o mar. Como sabem, daí vai direitinha para a praia da Cova. É só saúde.

Anónimo disse...

A origem do cheiro pode resultar do facto da ETAR se destinar a tratar esgotos domésticos urbanos não sendo o sistema hermeticamente fechado, ou seja, não é estanque.
O que dita o bom ou mau funcionamento da ETAR são as análises efectuadas regularmente aos efluentes (descargas para o rio). Assim se verifica se são ou não cumpridos os limites impostos pelos diplomas legais para descargas de efluentes domésticos.
Todas as ETARs de residuos domésticos deitam cheiro. Não é só a de São Pedro.

Anónimo disse...

Tudo serve para criticar em lugar de se informarem ou tentar ajudar na resolução do problema.
Outra, essas fotos foram tiradas sem autorização, logo, tiveram de invadir propriedade alheia que é crime, assim só me resta fazer queixa!

Até mais ver.

Tó (da Lota) disse...

Isso é muito lindo, mas é no papel. Uma Etar não pode aguentar uma carga para a qual não foi concebida.´Não adianta fazer medições e dizer: Não pode sair para o rio. Não é possível manter lá dentro uma carga, fechar a saída e ter um caudal contínuo sempre a chegar. Assim transborda.
As análises são feitas tendo em conta que há tempo para o processo.
Não é o caso daqui.E há outra situação que antes não referi que é o facto de haver ligações entre o esgoto pluvial e o doméstico. E há ligações de esgoto doméstico a dar para o esgoto pluvial, feitas clandestinamente pelos espertalhões do costume. Seria bom detectar esses abusos e punir quem fez e utiliza esse serviço.
Quem tiver dúvidas pergunta à senhora que mora entre a antiga tasca do Jordão e o restaurante Lota Nova. A pobre senhora tem um boeiro mesmo à porta e anda coinstantemente a lavar a entrada e pôr lixívia para ver se menoriza o problema. As pessoas que ali passam todos os dias que o digam.
Outra coisa que cá não temos é a chamada bacia de derrames. Em toda a costa portuguesa existem autênticas lagoas para onde sõ despejados os excessos de produção. Aqui não há. Vai direitinho para o rio, como as fotos bem documentam.

Agostinho disse...

Ao anónimo 04 setembro, 2006 18.42

Estava a ficar preocupado...
Afinal sem razão. O humor na Cova-Gala não se está se está a perder.
Há cada cómico! ...
Ninguém aposta no satírico. Até já pensava que o espírito humorístico tinha emigrado.
Felizmente apareceu o amigo: as pessoas não têm medo de rir.
Acredite.

Anónimo disse...

Como se consegue obter um certificado de, ou para maus cheiros, só ao fim de seis Anos?
Com as trocas e baldrocas esqueceram-se de mudar os potes, que tinham validade de cinco Anos?

Pietra disse...

O Tó da Lota e o seu Bau Bau sabem umas coisas!!!!! Cuidado com eles!!! O seu Bau Bau pode Morder, cuidado Agostinho!!!Eles andam ai!!! Eles têm é medo, eles e o anonimo das 18.42, este é um engraçado por causa das fotos, há tanta coisa feita nesta terra sem autorização e com tanta falcatrua, se calhar este é o BAU BAU!!!

Anónimo disse...

Cretinóide.

Anónimo disse...

Agostinho experimenta tomar um BANHO q o mau cheiro passa!

Anónimo disse...

Chama-se a isso uma ideia merda: Pelos vistos existem ideias dessas aos pontapés, mas algumas é só para pensar, não para dizer.

Pietra disse...

Eles mordem!!!!!!! 23.59 custa ouvir o que está mal nesta terra e as verdades? A OUTRA MARGEM que não pare de dizer o que está mal....

Crica disse...

Não há quem vos ature, nem sei como estes criticos conseguem viver nessa freguesia.

Só sabem dizer mal das pessoas mas fazer alguma coisa para bem isso é que não metem logo a cabeça na areia como o grilo....porra

Anónimo disse...

olha o da lota a ser lançado ao mar...